Sobre as Conferências

A região Norte tem sido, ao longo dos últimos anos, apontada como um dos principais motores de crescimento da produtividade no país, perfilando-se como um caso de sucesso na recuperação económica portuguesa após o período de crise das economias europeias. Interessante destacar que, entre 2012 e 2015, os índices de produtividade nesta região aumentaram cerca de 8,0% (valor acima da média nacional, fixada nos 5,2%).

Também ao nível da criação e fixação de emprego, a região tem contribuído, como consequência, para o crescimento do PIB nacional. Nessa linha de conta, nota para o facto do valor das exportações de bens, por empresas da Região Norte, ter mantido um crescimento acentuado e superior ao do total das exportações portuguesas de bens.

Embora estes resultados sejam efetivamente animadores para toda a região Norte, importa descortinar qual o real cenário ao nível da região Minho, aquela que centrará a atenção ao longo desta iniciativa.

Refinando um pouco mais esta análise é mesmo possível aferir que Vila Nova de Famalicão foi o município que mais exportações realizou na região norte em 2016, seguindo-se no ranking das vendas para o exterior o concelho da Maia (7,1%), Guimarães e Gaia (6,8%), Santa Maria da Feira (6,4%), Braga (5,4%), Porto e Viana do Castelo (5,1%), ou seja, de entre os oito principais concelhos exportadores da região Norte, quatro fazem parte da região Minho (dados da Comissão de Coordenação da Região Norte – CCDR-N).

Este é um cenário que demonstra a forte dinâmica empresarial e a competitividade do território Minhoto, bem como a capacidade das suas empresas e, especialmente, dos seus empresários e colaboradores, em reinventarem cada vez mais as suas abordagens ao mercado e à sua oferta.

Associado a um setor têxtil, agroalimentar e metalomecânico em expansão, o Minho tem nos últimos anos envidado passos firmes no desenvolvimento da sua oferta turística como polo diferenciador e fator de captação de um crescente número de visitantes e investimentos para a região.

Uma articulação eficaz e eficiente de todas estas componentes resultará, invariavelmente, em maiores volumes de exportação, mais emprego, maior competitividade e maior crescimento em termos absolutos. Assim, este crescimento advém da conjugação de diversos fatores, até há poucos anos considerados como imprevisíveis; o desafio passa, precisamente, por manter estes níveis de crescimento e desenvolvimento.

É neste contexto de cada vez maior desenvolvimento e capacitação que surgiu a ideia de Promover este ciclo de conferências, com o intuito de por um lado transmitir informação sobre alguns dos mercados mais interessantes para as empresas do Minho e por outro deixar informação objetiva das estratégias e técnicas de entrada nesses mercados internacionais, tendo em consideração o enquadramento da região Minho em domínios de intervenção selecionados, como sendo: Capital Simbólico, Tecnologia e Serviços de Turismo; Cultura, Criação e Moda; e Setor Agroalimentar.

Programa

16 Setembro

ECOTURISMO NO MINHO
Estratégias e Prespectivas
Futuras para a sua Internacionalização

20 Setembro

MINHO EXPORTADOR
Os Mercados não Europeus:
Brasil, EUA e Japão

26 Setembro

MINHO EXPORTADOR
Os Mercados Europeus:
Alemanha, Espanha e França

Programas Detalhados

Reserve as datas e faça a inscrição gratuita - mas obrigatória

Entidades Presentes

Em actualização

Fernando Quintas

Relações Institucionais e de Mercados Externos
AICEP

Graça Didier

Secretária Geral
AMCHAM PORTUGAL

Pablo Duarte Cardoso

Ministro Conselheiro
EMBAIXADA DO BRASIL EM PORTUGAL

Laurent Marionnet

Diretor Geral
CÂMARA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA LUSO-FRANCESA

Nuno Mangas

Presidente
IAPMEI

Gonçalo Andrade

Presidente
PORTUGAL FRESH

Isabel Oliveira

Market Division
PORTUGAL FOODS

Susumu Kataoke

Diretor Geral em Paris
JETRO - JAPAN EXTERNAL TRADE ORGANIZATION

Renato Botelho

Diretor
CÂMARA DE COMÉRCIO E INDÚSTRIA LUSO-BRASILEIRA

Aleix Garau Montané

Consul Geral no Porto
GOVERNO DE ESPANHA

João Manuel Esteves

Presidente
MUNICÍPIO ARCOS DE VALDEVEZ

Miguel Rodrigues


PEDROSA E RODRIGUES

Koichi Inoue

Diretor Adjunto em Paris
JETRO - JAPAN EXTERNAL TRADE ORGANIZATION

Francisco Contreras

Secretário Geral
CÂMARA COMÉRCIO E INDÚSTRIA LUSO-ESPANHOLA

Fernando Freire de Sousa

Presidente
CCDR-N

Thomas Tünnemann

Ministro Conselheiro
EMBAIXADA DA ALEMANHA EM PORTUGAL

Francisco Rodrigues de Araújo

Coordenador Geral
IN.CUBO

CONTACTOS

Telefone

+351 258 510 050

Email

info@incubo.eu

Morada

Passos - Guilhadeses
4970-786 Arcos de Valdevez

parceiros

co-financiado por